Parceria da Inventti e da Systax em destaque na TI Inside.

Software emite a NF-e e, ao mesmo tempo, valida informações tributárias

A Systax Sistemas Fiscais formalizou uma parceria com a Inventti, empresa de Blumenau (SC) especializada em sistemas para gestão de documentos fiscais eletrônicos e gestão empresarial web.
O acordo prevê a integração do sistema de validação tributária da Systax com a solução NFePACK, desenvolvida pela Inventti para emissão da Nota Fiscal Eletrônica (NF-e).
Dessa forma, o próprio software que emite a NF-e também faz uma auditoria tributária para verificar se o cálculo dos tributos e as regras fiscais informadas estão em conformidade com a legislação.
A integração dos dois sistemas já pode beneficiar diretamente os 6,5 mil clientes da Inventti, que tem no seu portfólio soluções que tratam a emissão de até 200 mil documentos eletrônicos por hora.
Para Fabio Rodrigues, diretor de projetos da Systax, essa integração evita erros antes do envio das informações aos órgãos governamentais e seus consequentes prejuízos.
“A possibilidade de uma empresa emitir uma NF-e com erros em nosso País é muito grande, porque a tributação muda diariamente e fica muito difícil para as empresas acompanhar, interpretar e identificar o impacto dessa inconstância na sua atividade”, observa.
O executivo ressalta que, com o projeto SPED (Sistema Público de Escrituração Digital), as falhas na atualização das alterações tributárias ficam mais evidentes, uma vez que a nota fiscal emitida erroneamente estará em poder da fiscalização, antes mesmo de a mercadoria sair da empresa.
O sistema da Systax traduz toda a legislação em regras tributárias que estão armazenadas em um banco de dados com mais de 750 mil regras fiscais estaduais e federais, que são atualizadas diariamente. Se combinadas, podem chegar a mais de 5 milhões de situações específicas passíveis de ocorrer nas empresas.
O sistema também audita tributos federais, tais como IPI, PIS e Cofins, bem como o ICMS e o ICMS/ST dos 27 Estados brasileiros.
O diretor de projetos da Systax lembra que a Carta de Correção Eletrônica (CC-e) muitas vezes não resolve alguns problemas na emissão de notas fiscais, pois “pode ser utilizada apenas em situações restritas, não abrangendo erros com alíquotas, tributos e base de cálculo, entre outros”.
“Além de evitar passivos fiscais ou que as empresas paguem tributos a mais e em alguns casos tenham até de mover processos para reaver as quantias dispendidas, a utilização do NFePACK integrado ao Systax também evita prejuízos causados por notas fiscais emitidas por fornecedores com o cálculo tributário errado”, observa Tibério César Valcanaia, diretor técnico da Inventti.
César explica que as nota fiscais de fornecedores muitas vezes geram créditos fiscais para a empresa que as recebe e, se tiverem sido calculados de forma equivocada, a empresa corre o risco de se apropriar de quantias indevidas, ficando sujeita a multas, ou de receber menos créditos.

Fonte: http://www.tiinside.com.br/05/12/2012/software-emite-a-nf-e-e-ao-mesmo-tempo-a-valida-informacoes-tributarias/gf/315218/news.aspx


Posts Relacionados

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *