Case Cooper

Características do projeto

A Cooper foi fundada em 16 de março de 1944, com 101 pessoas, entre funcionários e dirigentes da Cia Hering, com o nome inicial de Cooperhering – Cooperativa de Consumo dos Operários da Indústria Têxtil Companhia Hering de Responsabilidade Ltda. No início da década de 1990, a Cooper passou a atender toda a comunidade. Atualmente, a Cooper tem 7 filiais (4 em Blumenau, 1 em Indaial, 1 em Rodeio e 1 em Ibirama), 3 novas filiais em andamento (2 em Blumenau e 1 em Indaial), 4 Farmácias Próprias (3 em Blumenau e 1 em Indaial), 1 Restaurante em Indaial, 1 Centro de Distribuição, Padaria Central, Administração Central, todos sediados em Blumenau. A cooperativa tem cerca de 1.300 colaboradores diretos e 100.000 cooperados. É considerada a maior cooperativa de consumo do sul do País, a segunda em nível nacional e uma das cinco maiores redes do estado, quando comparada aos supermercados.

A Cooper, assim como outras empresas do mercado, tinha o processo de impressão de notas fiscais, através de formulários contínuos (4 vias) com impressoras matriciais.

Participação da Inventti

A Inventti foi a empresa escolhida para implantar na Cooper a solução NFePACK a partir de 23 de janeiro de 2012. Para atender a todas as filiais de forma eficiente, o processo de implantação para o novo modelo foi gradativo e foi realizado individualmente em cada filial. Todo o processo durou cerca de 3 semanas, e foi concluído em 9 de fevereiro.

Etapas de implantação do projeto:

– Início em agosto de 2011, com a elaboração do plano de projeto.

– O segundo momento aconteceu a preparação do sistema corporativo para atender todos os dados exigidos pela NF-e.

– Em seguida realizou-se o desenvolvimento da integração dos dados (NFePACK + sistema corporativo).

– Após a conclusão da etapa de integração, iniciou-se a fase da “emissão simultânea”, que permitiu o uso dos dois modelos simultaneamente, (emissão da Nota fiscal definitiva e a impressão em ambiente de homologação – teste). A emissão simultânea é uma etapa fundamental, onde se podem ajustar diversas situações que não são identificadas no processo de integração dos sistemas, e assim garantir eficiência na emissão das notas fiscais sem qualquer imprevisto.

Principais resultados

A implantação do NFePACK trouxe diversos benefícios para a Cooper:

– Redução de custos com formulários contínuos e manutenção de impressoras.

– Agilidade na emissão, pois uma NF-e pode ser impressa em qualquer modelo de impressora (exceto matricial).

– Redução de arquivo morto com vias adicionais das NFs.

– Confiabilidade dos dados.

– Praticidade para o setor fiscal no fechamento das informações das Filiais.

–  Sustentabilidade: contribuição com o meio ambiente e adequação ao programa interno “Imprima com consciência”.

“Todo o processo de implantação do produto da Inventti ocorreu de forma eficiente e dentro dos prazos estabelecidos. Com o período de testes durante 3 meses e a emissão simultânea, conseguimos evitar problemas quando o sistema foi implantado em definitivo. Logo após a instalação do NFePACK já foi possível constatar diversos benefícios como redução de custos, agilidade na emissão e maior confiabilidade dos dados”, destaca Marcelo Sardagna analista de sistema da Cooper.

Posts Relacionados

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *